Pular para o conteúdo principal

Exportações para países árabes

Exportações para países árabes chegam a US$9 bilhões de dólares

          Volume corresponde ao comércio entre janeiro e setembro deste ano; setor de carnes espera aumentar em 5 vezes os embarques nos próximos dez anos.
A Câmara de Comércio Árabe-Brasileira (CCAB) e o jornal Valor Econômico promoveram na quarta-feira 17/10, em São Paulo, o seminário "Perspectivas das relações econômicas entre o Brasil e os países árabes". O evento reforçou o papel dos países árabes, espalhados entre o norte da África e o Oriente Médio, como parceiros comerciais. Segundo a CCAB, no ano passado o Brasil exportou US$25 bilhões para países árabes, valor quatro vezes maior do que o registrado há dez anos. A importância do agronegócio brasileiro também foi discutida, já que carne e açúcar representam 50% de tudo o que é exportado para esses países.
          O ex-secretário da Agricultura de São Paulo e atual vice-presidente de relações institucionais da Marfrig, João Sampaio, disse que agronegócio brasileiro tem potencial para atender a demanda mundial por alimentos. "Só para os países árabes, esperamos exportar cinco vezes mais nos próximos dez anos", disse. Segundo a CCAB, de janeiro a setembro deste ano o Brasil já exportou US$9 bilhões apenas em produtos agropecuários para a região. Já Luiz Roberto Pogetti, presidente do conselho de administração da Coopersucar, falou sobre a representatividade dos árabes na compra de açúcar brasileiro. "Eles são responsáveis pela compra de 5% de todo açúcar exportado pelo Brasil, o que resulta em um montante de US$5 bilhões", afirmou.
          Para Marcos Vinícius Pratini de Moraes, ex-ministro da Agricultura e atualmente membro do conselho administrativo da JBS e da Cosan, a relação entre Brasil e países árabes tende a se ampliar porque os empresários brasileiros entendem as necessidades se seus compradores. "Fornecemos produtos fiscalizados pelos importadores e respeitamos as necessidades religiosas exigidas pelos árabes no fornecimento de carnes", disse.
          Segunda Tatiana Lacerda Prazeres, representante do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio (MDIC), o ano de 2012 está sendo ruim para o comércio exterior brasileiro. De janeiro a setembro houve uma queda de 4,9% nas exportações do Brasil - entre os países árabes, no entanto, a redução foi menor : 3,4%. "Além da crise, tivemos fatores políticos que poderiam deteriorar as relações econômicas, como a Primavera Árabe. No entanto, as exportações para a Líbia aumentaram 265% em relação ao ano passado", afirmou.
          Outro participante do evento foi Delfim Netto, ex-ministro da Fazenda e de Planejamento e Gestão. Para ele, ainda há um amplo espaço para ampliar as relações do Brasil com os países árabes e os exportadores daqui devem devem se espelhar no trabalho dos diplomatas brasileiros ao redor do mundo. "No oriente Médio, eles lidaram com uma série de conflitos com equilíbrio, independência e tolerância". No seminário, Delfim falou sobre o panorama da economia mundial com a crise econômica, juntamente com os economistas Luiz Gonzaga Belluzo e Luiz Carlos Mendonça de Barros, diretor-estrategista da Quest Investimentos.

Fonte: Revista Globo Rural

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Chocolate, Vida saudável e Trabalho!

O chocolate por incrível que pareça tem tudo a ver com uma alimentação saudável e balanceada. Confesso que um chocolate após o almoço com cafezinho me deixa mais alerta! Mas o chocolate ao qual me refiro aqui: é o meio amargo e amargo.

Na foto estão os 85% cacau e o, que é melhor ele sacia a vontade de comer chocolate com apenas um quadradinho, pois é bem forte e amargo mesmo!



É só comprar o chocolate 85% cacau e sair comendo ?

Eu escolhi me adaptar aos poucos. fui aumentando o percentual de cacau gradualmente!

Começar com o meio amargo...passar para o 60% cacau...depois 70%... 85% que é amargo mesmo e 99% cacau!

Aqui tem algumas idéias para se adaptar mais fácil com o amargo!

60% cacau é mais fortinho que o meio amargo...e a Hershey's tem algumas opções de sabor...são bem gostosos.


Aqui 70% da cacau show! Mais forte que o anterior!



Aqui 80% cacau da Lindt e da Cacau show!!! Os dois são bons, porém o Lindt tem o preço de importação então é mais caro!

E aqui a realeza! 99% cacau!! …

Fale Menos da Sua Vida Pessoal em um Ambiente Profissional

Que mistura hein?! Sabe aquele colega que chega todos os dias e comenta como foi suas últimas horas? Perceba, que na maioria das vezes quem está metido em debates acalorados, desavenças e fofocas é sempre ele! Fala demais assuntos desnecessários para um ambiente profissional.
O ambiente de trabalho fica muito mais leve quando a conversa gira em torno do trabalho ou sobre amenidades como: cultura em geral, passeios interessantes, livros, séries de tv etc. Existem "N" temas para serem debatidos em um local de trabalho que não o relato constante da vida pessoal.
A vida pessoal de cada um interessa a si e aos envolvidos quando muito com aos amigos íntimos!
Com as mídias sociais surgiu o hábito de postar frequentemente a vida pessoal, porém, lembre que entre os amigos também estão os colegas de trabalho. Muitos deles se sentem a vontade em comentar suas fotos no dia seguinte no trabalho. E qual a solução para isso? não poste cada momento de sua vida se você não é um youtuber ou …

Vender: seja na loja Física ou Virtual!

Vender, realmente, é uma arte! Seja a venda física ou virtual cada pessoa que trabalha com comércio ou serviço deve encontrar o que de mais interessante pode passar ao seu cliente! A Diferença está nos Detalhes!

A venda engloba muitas áreas - perceba: um blogueiro, também, é um vendedor; Ele pode nem sempre ter um produto em mãos, porém está vendendo a sua imagem diariamente ou seja lá quantas vezes faz vídeos na semana. Não é necessário ter um objeto em mãos para exercer a venda! Saber os detalhes do produto ou serviço é essencial para alcançar os objetivos. Encante seu Cliente!

A internet trouxe a concorrência para dentro da casa de cada um mas também trouxe a informação para todos! Com ela você pode refletir e observar quem são seus clientes nas mídias sociais, o que eles fazem, quais são seus gostos etc.

Da mesma forma o cliente, também, está mais informado e não se contenta com qualquer informação superficial. Percebi ao longo dos anos trabalhando, que o cliente da loja física p…