Pular para o conteúdo principal

Postagens

Celebrar as pequenas vitórias do cotidiano

Poucas pessoas sabem o bem que faz celebrar as pequenas vitórias do cotidiano: como assim pequenas vitórias? Vou exemplificar: uma pessoa que está sempre atrasada se propõe a no dia seguinte melhorar 10 minutos com a organização do tempo no começo do dia e conseguiu! Comemore essa conquista de 10 minutos! Comemore da forma como lhe parece mais gostoso e motivador: nesse caso cada um saberá como se sente mais motivado. Eu comemoro muitas das pequenas conquistas do meu cotidiano - comemoro até com um texto nas redes sociais, quando chego em casa tomo uma taça de vinho, faço um bolo, chego em casa e relaxo vendo um filme, tomo um suco verde etc. E você? como poderia comemorar as pequenas conquistas? Além de comemorar se parabenize pelo empenho e dedicação da conquista.  Cada vez que comemoramos algo que foi positivo evidenciamos o que é bom e isso nos enche de orgulho das próprias ações. Sabe aquela marmita que você tem a maior vontade de levar para o trabalho? se organize e leve! No di
Postagens recentes

Livro: A Viúva Clicquot

O tema principal do blog é vida profissional e cotidiano de trabalho e dentre alguns subtemas temos os vinhos porque muitos dos meus leitores são apreciadores da bebida e da história assim como eu. Portanto, por aqui você vai encontrar muitos livros sobre o tema.  E um deles é esse: um livro interessante do ponto de alguns pontos de vista, porém o que mais me chama atenção é pela ótica do empreendedorismo feminino. A história de uma mulher que ficou viúva e teve que assumir a vinícola da família em uma época que as mulheres definitivamente não tinham protagonismo em negócios. Vou transcrever aqui a orelha do livro: "Quando, em 1772, o marido de Barbe-Nicole Clicquot deu início à sua produção de champanhe, sua jovem mulher não imaginava que, durante as Guerras Napoleônicas, e após a morte do esposo, teria em suas mãos o destino  da casa de champanhe Veuve Clicquot. Com Barbe-Nicole no comando, a companhia não só tornou-se célebre e mundialmente reconhecida, como o champanhe passo

Engenheiro de obra pronta?

Já ouviu essa expressão? Engenheiro de obra pronta é aquela pessoa que depois da obra estar pronta tem mil palpites e apontamentos para dar. Também é aquele que diz: "se fosse eu tinha feito assim", "se fosse eu não tinha colocado tal coisa", "se fosse eu sem dúvida teria escolhido outros profissionais para completar o time" etc. Aposto que você já identificou alguém assim! Aquela equipe que passou dias e dias planejando e executando uma determinada atividade e depois de passadas todas as etapas difíceis do trabalho aparece um "sabichão" querendo mudar tudo. Observe que se você é um engenheiro de obra pronta sempre é tempo de se policiar e não ser tão inconveniente. Chegue para agregar enquanto o projeto ainda está em andamento mas não chegue para criticar depois que está pronto. Críticas são importantes: sim! Sem dúvida, inclusive, para o crescimento de determinadas tarefas mas são completamente sem fundamento quando não foram solicitadas e o

Método Kaizen

  Kaizen: (Kai = mudança) e (Zen = para o bem)! Isso significa melhoria contínua e esse assunto tratamos muito aqui no blog porque eu sou a pessoa que exerce essa premissa a muitos anos. Vocês já viram uma pessoa desenhando com pincel e tinta uma palavra em Japonês? É impressionante a atenção com cada detalhe porque cada traço significa algo dentro daquela palavra por isso é importante ter atenção plena. O Budismo prega que tudo é impermanente isso significa não permanece, não volta, não vivemos duas vezes a mesma situação. Então a ideia do Kaizen é observar os detalhes do cotidiano de trabalho para ir melhorando eles continuamente. Se tudo é impermanente podemos dar nosso melhor a cada tarefa isso quer dizer pequenos passos todos os dias em direção ao desenvolvimento. Melhorando todos os dias estamos elevando os padrões de qualidade do que estamos "plantando" isso quer dizer os padrões de qualidade da colheita também tendem a ser elevados. Para exercitar essa melhoria con

#EsmalteseLivros - Livro: 52 Lists for Happiness

Esse mês trouxe um livro muito primaveril e útil para essa TAG mensal que se chama Esmaltes e Livros e que foi proposta pela Claudia Leonardi do Blog Mãe Literatura . Essa postagem também acontece no instagram uma vez por mês assim como aqui no blog e você pode seguir e participar pela #esmalteselivros. Gosto muito dessa TAG: esmaltes e livros pois é muito colaborativa com a auto estima e tudo que pode melhorar o cotidiano enaltece as probabilidades de um dia mais feliz e produtivo. Acima está o calendário das postagens desse ano com os temas e o desse mês é primavera que considero uma época de renovação e novas oportunidades. Por isso trouxe esse livro que é tão voltado para autoestima e para melhorar o cotidiano de cada um: 52 Lists for Happiness  aqui no blog tem todas as informações dele. E minha escolha de esmalte foi da Avon Pró Gel que se chama Alvorada: eu amo esses esmaltes da Avon pois tem um pincel bem grande, seca rápido, tem uma cobertura incrível e seca rápido. Tudo isso

Livro: 52 Lists for Happiness

Esse é um livro otimista, primaveril e útil! São 52 listas para exercitar e incentivar os momentos de felicidade da vida. O exemplar é lindo: já é a própria alegria com diagramação impecável e conteúdo alegre e interativo. A autora se baseou em uma pesquisa sobre felicidade para elaborar esse livro propondo com ele que cada um descubra as suas próprias felicidades.  É um livro muito inspirador para deixar o cotidiano mais leve sempre com o intuito de melhorar e se desenvolver e não de apontar erros ou se auto punir.  O conteúdo é dividido em Listas para: refletir, reconhecer, investir e transformar - todas com o intuito do autoconhecimento. Alguns exemplos: Refletir: Liste o que te faz feliz no momento, liste coisas do passado e do presente que podem estar bloqueando o seu desenvolvimento em direção a felicidade e muitas outras. Reconhecer: liste tudo aquilo pelo qual você se sente apaixonado, liste os motivos pelos quais você gosta de investir em si: corpo, mente e alma e muitas outra

Setembro amarelo: seja a ajuda que o outro precisa.

  Como colocar essa ajuda na prática durante o cotidiano profissional? Esteja atento as pessoas que trabalham em volta. Aqui não estou me referindo a intimidade excessiva e nem de fazer parte da vida íntima do colega de trabalho mas de ser menos julgador e mais colaborativo . Se dispondo a ser colaborativo, muitas vezes, podemos ser a ajuda que o outro precisa. O setembro amarelo é uma campanha brasileira de prevenção ao suicídio que começou em 2015 esse mês foi escolhido porque desde 2003 dia 10 de setembro é o dia mundial da prevenção ao suicídio. Essas datas são importantes para que possamos trazer os assuntos a luz da consciência e falar sobre eles.  Dentro do ambiente profissional é importante ser mais próximo uns dos outros mas como? ouvir quando o colega está falando, parar de teclar ou de olhar a tela dos eletrônicos e parar para ouvir. Perceber a pessoa que trabalha ao lado, cumprimentar, perguntar se a pessoa está precisando de ajuda com alguma tarefa, estar disposto a ser c

Dia do Cliente

Todo dia 15 de setembro - todo ano tem essa data comemorativa que pode ser transformado em um dia muito importante para quem vende produtos ou serviços. Porém, é relevante que seja planejado com antecedência quanto mais organização prévia - melhor será o desempenho da empresa e útil será para o cliente . Nesse ano o dia do cliente já está aí e não tem mais tempo para planejamento mas é possível começar a planejar o próximo ano. Se você não tem o hábito de fazer planilhas de planejamento não tem problema! Comece com um caderno anotando todos os pontos positivos e negativos do dia do cliente desse ano. Aproveite e anote o que você está pensando para o próximo ano e quem são os fornecedores que podem estar envolvidos. Se você tem cliente inadimplentes quem sabe, para essa data, calcular boas oportunidades para reaver esses clientes? Convide a equipe para participar com seus apontamentos sobre a data e como ela pode ser melhor para todos. Não julgue e condene nenhuma ideia antes de refl