Pular para o conteúdo principal

Postagens

Livro: Ikigai

  Gosto muito de algumas tradições japonesas, gosto dos templos budistas e a forma como eles são mantidos em perfeito estado ao longo dos séculos. Fazer manutenção e planejamento para manter uma determinada atividade cultural diz muito sobre as pessoas envolvidas.  Diz muito sobre a maneira que elas se importam em transmitir e manter as boas ações por gerações e a palavra Ikigai tem muito a ver com esse conceito de ser melhor pouco todos os dias. O autor escreve sobre a cultura do Ikigai de uma forma leve e agradável.  Ken Mogi, o autor, é neurocientista e escritor japonês e já publicou mais de trinta artigos sobre cognição e neurociência, além de mais de cem livros no Japão sobre diferentes assuntos - desde ciência e críticas até gêneros mais populares como auto ajuda.  Livro: Ikigai Os cinco passos para encontrar seu propósito de vida e ser mais feliz Autora: Ken Mogi Tradução: Regina Winarski Versão: Livro físico Editora:  Astral Cultural Número de páginas: 224 ISBN: 978-85-8246-731
Postagens recentes

Atenção Curta

  Com a quantidade imensa de informações que temos em nossos cotidianos é difícil ver e estar por dentro de tudo que acontece. Para que possamos dar conta de mais e mais informações elas foram ficando cada dia mais curtas e rápidas já percebeu? As postagens nas redes sociais de 30 segundos, os posts com mais imagens e menos texto e tudo isso para consumirmos mais e mais informações.  Já se perguntou se isso é bom? particularmente, não acho esse sistema eficiente para o desenvolvimento da humanidade. Atenção cada dia mais curta, pessoas cada dia mais ansiosas, profissionais com dificuldades de concentração em suas atividades e tudo isso gera uma sociedade menos desenvolvida e mais insatisfeita. Mas o que é possível fazer? escolher, selecionar  e ter prioridade . Mas não prioridades e sim prioridade no singular. Viver o presente ! Não tentar fazer tudo ou saber de todos os acontecimentos colabora com a paz interior. Fazer uma seleção do que, realmente, importa colabora com a concentraçã

Marmita: chocolate quente com leite de coco

  Essa receita eu amo! Para uma xícara de 300ml. Para essa receita eu uso a colher de sobremesa que é aquela um pouco menor que a colher de sopa. Ingredientes: - 2 colheres  Leite de coco em pó  - 300 ml de água quente - 2 colheres de chocolate em pó 100% cacau - 2 colheres de açúcar de coco (se preferir coloque mais ou menos ou nem coloque) - canela à gosto Modo de fazer  Coloque os ingredientes secos na xícara e misture bem antes de colocar a água. Depois de bem misturado coloque água somente até tapar os ingredientes isso quer dizer dois dedos de água: apenas para misturar. Misture bem e complete com água quente.  Dica: para levar na marmita coloque apenas os pós em um copo térmico e quando for tomar durante o dia de trabalho precisará apenas da água quente. Não tem copos térmicos? Não tem problema nenhum! Leve apenas os pós já misturados em um potinho e faça seu chocolate na xícara na hora do lanche. Posts Relacionados: Trabalho: copos com tampa. Marmita: Peixe! Prática para quem e

Treinamento é o melhor caminho

Quer que seus colaboradores tenham espírito de equipe? sejam engajados? sejam coerentes com as diretrizes da marca? tenham atitudes profissionais? saibam debater e dialogar uns com os outros em prol de melhores resultados? Tudo isso é possível por intermédio de treinamento constante . Um curso lá e outro cá pode colaborar? sim, porém os resultados serão pouco efetivos. O treinamento constante é o que pode trazer mais resultados para o bom andamento do trabalho em equipe e para que essa equipe tenha ações condizentes com o ambiente em que trabalham.  Faça um planejamento semestral e anual e invista em treinamento para todos: líderes, supervisores, gerentes e colaboradores. Não deixe ninguém de fora e treine constantemente como essa equipe deve agir diante das situações do cotidiano. Todos em algum momento somos amadores e para sermos profissionais de fato precisamos de muito treinamento.  Posts Relacionados: Repetição Falta de comunicação e retrabalho Detalhes Nosso treinamento: como

Detalhes

São os detalhes que fazem a diferença ? Sim! Cada treinamento que fazemos os detalhes daquela equipe ou daquele profissional são considerados. Tudo isso para oferecer o melhor que temos em experiência e conhecimento para esses profissionais. Mas não é de hoje que somos assim! Percebemos ao longa da jornada profissional que temos que estar sempre dispostos a melhorar todos os dias . Todos os dias um pouco melhor na vida profissional e na vida pessoal significa estar atento aos detalhes. Cada post aqui do blog é pensado para transmitir da melhor forma possível aquilo que sei - para que o leitor consiga captar e quem sabe aplicar em sua vida profissional da sua forma e dentro da sua realidade. Voltar todos os sentidos para aquilo que fará diferença na nossa vida e na vida do profissional que nos procura. Observamos tudo que podemos e temos pelo menos duas reuniões para cada equipe e ou profissional que atendemos. Nosso trabalho é totalmente personalizado para aquela situação do momento:

Você se sente um amador? Treine para ser um profissional.

  Muitos profissionais se sentem amadores no trabalho para o qual se propõe, contudo é importante fazer cursos ou mentoria de diversos assuntos e não somente de um assunto específico ou técnico. Olhe com mais autocrítica para si e anote onde estão os seus pontos fracos para que possa ir melhorando no decorrer do tempo. Lembrando que nada acontece da noite para o dia a gente vai aperfeiçoando com o passar do tempo o que deseja com: paciência, disciplina, autorresponsabilidade e pensamento autônomo. Sabe porque é importante ir aos poucos e com o passar do tempo? Durante o processo de aprendizagem existe a repetição - repetir inúmeras vezes a atividade para aperfeiçoar. Voltar para o conteúdo, tirar as dúvidas e retornar para repetição . Quando uma pessoa me procura para que façamos um trabalho de médio prazo juntos sempre existe um tempo entre um encontro e outro para que o mentorando possa exercitar o que conversamos e depois voltar com os detalhes de sua experiência e aí vamos aperfeiç

Nada existe sozinho

  Somos seres gregários isso quer dizer que gosta de ter a companhia de outras pessoas e uma pandemia em que temos que ficar distantes e reclusos aflora ainda mais esse sentimento coletivo. Todos desejam estar juntos, porém em um momento de distanciamento social: não é possível. Porém, é uma oportunidade de pensar quem somos dentro das equipes de trabalho. Quem é a pessoa que está inclusa naquela equipe ? Você é colaborativo para manter a harmonia do ambiente? ou está sempre em busca de uma fofoca , de um disse que me disse, tentando tirar o foco dos colegas do que é importante, levando assuntos desnecessários para dentro da equipe, sendo cansativo com os colegas, "deitado", abusado e tantos outros adjetivos. Quem sabe seja o momento para refletir e melhorar? Nada existe sozinho: as equipes fazem parte de um todo que está lá porque é formado por pessoas. Em suas diferentes posições: funcionário, colaborador, proprietário, fornecedores, clientes e nem quem trabalha em casa soz

De onde surgem os posts do blog?

O blog existe a 10 anos e todos os assuntos que estão aqui são baseados em nosso cotidiano profissional, isso quer dizer, em nossa experiência. O blog começou para que pudéssemos colaborar gratuitamente com o cotidiano profissional do máximo de pessoas possível. Não a toa o blog é composto por mais de 500 textos - todos com assuntos para treinar e melhorar o cotidiano profissional. Para escrever mais de 500 textos sobre o assunto treinamento é porque entendemos muito do tema e por isso escrevemos para colaborar com o dia a dia de muitos profissionais. O que eu sempre digo para meus alunos e para meus mentorandos é: leia mas logo pense como irá aplicar. Os assuntos do blog surgem da nossa experiência - eu transmito um pouco dela aqui para vocês - vocês são meus leitores e aplicam o que aprendem por aqui. Gente, se não aplicar não vai funcionar! Somente ler não vai trazer resultados ok?  Para você que deseja ter ter atitudes mais profissionais, autônomas e responsáveis é que estou aqui p

Trabalho: copos com tampa.

Existem alguns problemas que podem ser evitados durante o cotidiano de trabalho apenas usando tampa no copo . Em uma mesa de trabalho podem estar documentos importantes assim como eletrônicos, produtos, peças da sua loja e outras tantas coisas. A maioria dos itens que citei acima podem ser repostos, hoje em dia? Sim, podem! Porém o tempo da burocracia que pode demorar um documento o qual foi extraviado sem necessidade pode ser uma trajetória desnecessária. Lembre que o copo deve estar tampado com uma tampa fixa e não aqueles que a tampa fica apenas encostada. Já vi muitos desastres acontecerem com líquidos sem tampa em cima da mesa de trabalho. A vida de muitos profissionais já é atribulada e as vezes tensa o suficiente por isso sempre que podemos evitar situações estressantes desnecessárias é ótimo.  Posts Relacionados: Comprometimento Desligar o automático Hora do cafezinho Personalidade forte é diferente de falta de educação Gostou do conteúdo? Quais assuntos e ou livros você gost

O que é ser um amador?

Algumas das frases que ouço muito: "que trabalho de amador", "nossa! que amadorismo", "não consegue fazer porque é um amador", "o amadorismo não deixa as pessoas evoluírem" etc. Mas o que é ser um amador? é aquele que não domina a atividade para qual se propôs. Isso quer dizer a pessoa entende mas superficialmente da atividade que escolheu. De todas essas frases que contei para vocês que ouço sabe o que mais acontece? É que a pessoa não faz uma autocrítica em relação ao seu trabalho e acaba não buscando treinar para se desenvolver. Buscar ajuda é um ponto comum para toda pessoa que deseja deixar o amadorismo de lado e ser um profissional . Principalmente, olhar para si e observar o que não está bom e ir atrás de melhorar: menos comparações ajuda bastante nesse processo. Colocar menos a culpa nos outros também colabora deveras - frases comuns de quem coloca a culpa nos outros ao invés de olhar para si: "aquele cliente é muito chato", &q