Pular para o conteúdo principal

Quero receber Newsletter de Danielle SV

* indica obrigatório

Mailchimp intuitivo

Robert Parker - O Imperador do vinho: Esmaltes e Livros 08/12 - Bebidas





Sim, esse é um blog cujo tema principal é Planejamento e Gestão! Sim, você encontra por aqui diversas indicações de livros porque ler e se atualizar constantemente faz parte do cotidiano de quem trabalha com liderança. Mesmo para quem não trabalha com planejamento e gestão a leitura e atualização frequentes são muito relevantes para vida profissional. Por isso, participo de duas blogagens coletivas mensais e uma delas é esta.

Uma vez por mês, durante os doze meses do ano, desde 2021, nos reunimos para fazer nossa blogagem coletiva que se chama: Esmaltes e Livros. O esmaltes e livros foi criado para evidenciarmos a importância da auto estima e da leitura em nossas vidas. Esse ano somos em três parceiras nessa postagem: eu - Danielle SV,  Blog Mãe Literatura  e Leticia Leonardi.  

Sobre a autora: Elin McCoy faz há trinta anos a crônica do mundo do vinho. É colunista de vinho e bebidas para Bloomberg Markets e redatora desde longa data de Food & Wine. Jornalista premiada, seus escritos sobre vinho, gastronomia, viagens e questões sociais têm vindo a lume no The New York Times, House & Garden, Parents, Organic Style e em muitos outros periódicos. McCoy, que também escreveu quatro livros para crianças, um livro de aconselhamento para pais e um guia de viagens, é co-autora de Thinking About Wine, frequente oradora em eventos vinícolas e juíza internacional de vinhos.


O livro está dividido em sete etapas (Sumário):

Prólogo

1. Um Paladar Americano em Formação

2. O "Boom" do Vinho e os Outros Bobs

3. O Paladino do Vinho

4. O Bordeaux de 1982

5. Degustando Dez Mil Vinhos por Ano

6. Perigos na Rota da Degustação

7. O Avanço do Imperador

8. Produzindo Vinhos para Agradar a Parker

9. Julgando Parker

Glossário

Fontes

Agradecimentos

Índice

Cada mês propomos um tema e esses temas são selecionados no ano anterior. O tema desse mês é: Bebidas. Para esse tema trouxe: O Imperador do vinho de Robert Parker. Aba do livro: Esta é a história de como um advogado americano criado com Coca-cola provocou uma revolução no modo de fazer, vender e avaliar os vinhos em todo mundo. A influente newsletter bimestral de Parker, The Wine Advocate, com mais de 45 mil assinantes em todos os Estados Unidos e em mais de 37 países, exerce a mais singular e significativa influência sobre os hábitos e tendências aquisitivas dos consumidores de vinho na América, Europa e Extremo Oriente, assim como sobre sobre o modo como o vinho está sendo feito em todos os países que o produzem, da França até a Austrália. 

O perfil de Parker tem sido descrito em incontáveis revistas e jornais e a maioria dos seus doze livros foi best-seller nos Estados Unidos e em muitos outros países. Entretanto, apesar das atenções e intermináveis aplausos do mundo, Robert Parker permanece no centro de uma acalorada controvérsia: Ele é um apaixonado adepto do vinho que, mais do que qualquer outro, é responsável pela qualidade vastamente aperfeiçoada dessa bebida, ou ele está, como afirmam outros, conduzindo uma guerra contra séculos de tradição e matando assim, no decorrer dessa ação, a própria alma de vinho?

Elin McCoy conheceu Robert Parker em 1981, quando foi a primeira redatora-chefe de sua revista e acompanhou desde então sua extraordinária ascensão. Ao narrar a história de Parker, McCoy oferece aos leitores uma visão inigualável e fidedigna dos meandros do mundo do vinho, com suas personalidades excêntricas, exarcebados conflitos, paixões, controvérsias, recompensas e segredos, explicando como os críticos do vinho concordam e discordam, e acompanhando de perto a maneira como os vinhos são hoje feitos, julgados, promovidos e vendidos. Esse fascinante retrato de um colosso cultural dos dias de hoje mostra como um mundo que foi outrora a província de clubes de cavalheiros e o passatempo de milionários se transformou jum hobby sensual das classes médias, criando uma indústria de luxo empenhada em ganhar dinheiro em escala mundial - e como um homem revolucionou o modo de pensar do mundo a respeito do vinho.

Depoimento de Mario Batali: Desde seu humilde começo e por meio de sua fácil ascensão como um dos mais influentes homens a exercitar sua musculatura palatal na cena venícola internacional, a história de Robert M. Parker é provocante, conflituosa e capaz de suscitar, por certo, tranqüilas considerações da próxima vez em que o leitor levar aos lábios uma taça de vinho.

Contracapa: O imperador do vinho aborda a miríade de questões que gravitam em torno de Parker e revela como ele se tornou idolatrado e desprezado, reverenciado por alguns como um paladar infalível e condenado por outros por converter a indústria vinícola mundial em um único mercado global, provocando altas exorbitantes de preços e remodelando o paladar do vinho conforme suas preferências pessoais. 


Esse é o tipo de livro interessante para entender um pouco da jornada comercial do vinho. O autor ilustra com fotos um período que compreende o final dos anos sessenta até a primeira década dos anos dois mil. 

E para essa oitava edição de esmaltes e livros do ano de 2023 a minha escolha de esmaltes foi Colorama longa duração na cor: via láctea transparente. O pincel da Colorama é médio em quantidade de cerdas o que é bom para colaborar com a rapidez da esmaltação. Eu quem faço minhas unhas então sempre busco rapidez, durabilidade e secagem rápida. 

Autor: Robert Parker
Editora: Campus
Número de páginas: 331
ISBN: 85-352-1939-0
Edição: 2006



Na sequência os livros escolhidos pelas queridas parceiras de Esmaltes e Livros! Já adianto: é cada título bom que eu tenho vontade de sentar e ler todos eles agora, mesmo! 


Mãe Literatura"Desta vez escolhi dois esmaltes. Primeiro passei o Lua, um perolado lindo e por cima, o Le Rose, ambos da Impala. Gostei muito do resultado. O livro é o A Audácia dessa mulher, livro deste mês do nosso amado Clube Companhia MãeLiteratura. Para compor o cenário, escolhi meu jogo de chá. De uns tempos para cá venho saboreando cada vez mais chás no meu dia à dia."



 


Letícia Leonardi:  "O esmalte é o Prenda Natural, da Colorama, um transparente bem delicado. Passei duas camadas e gostei muito do resultado. O livro que escolhi é Uma breve história dos tratores ucranianos, já estou adiantando a leitura do livro do mês que vem do nosso amado Clube MãeLiteratura. Para compor a foto, lembranças de uma das nossas bebidas favoritas, vinho, sempre."




Posts Relacionados:

Livro do Desassossego: Esmaltes e Livros 07/12 - Inverno








                                
                                                   Exercitar a constância e uma hora vai




Diante de tantas distrações é preciso organização para manter o ritmo de leitura. Eu mantenho minhas leituras em dia por intermédio da organização e por isso já indiquei mais de uma centena de livros no blog. Para isso, desenvolvi esse material de apoio pois dessa forma você conseguirá exercitar a disciplina da leitura. 


                                                Material de apoio: Quero ler mais este ano!





Sabia que aqui no blog tem mais de 100 títulos que já li e gostei?


Quais assuntos e ou livros você gostaria de ver por aqui? Escreve aqui embaixo ou me manda nas redes sociais:

Instagram: @svdanielle

Facebook: @svdanielle (Descontos e informações)

Tik Tok: @sv.danielle

Facebook: @sobremarmita (Marmita: para levar para o trabalho e ou piquenique)

Facebook: @dsegundamao (Sustentabilidade)

Youtube: Danielle SV


Abaixo banner da evino que é um anunciante aqui do blog. A evino é uma loja de vinhos online que oferece grandes descontos em produtos altamente compativeis. Venha experimentar um novo conceito de saborear o sabor da vida. Clica no banner e vai espiar!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Regras para geladeira coletiva (Material de apoio exclusivo na Loja)

  1 - Lembre que ela é coletiva e não apenas sua:  Os bons hábitos de higiene e limpeza devem prevalecer em uma geladeira coletiva . Mas se você não tem bons hábitos de higiene e limpeza não se preocupe: sempre é tempo de aprender. Os relacionamentos melhoram quando todos respeitam o ambiente coletivo. 2- Armazene os seus alimentos em um espaço específico dentro da geladeira. Um alimento em cada canto, não: ok? Uma maçã em uma prateleira, um pote em outra e a garrafinha em outra: não é prático. Se todos os alimentos estiverem concentrados apenas em um canto da geladeira será mais fácil administrar a validade deles. 3 - Consuma apenas o que é seu!  Pode parecer estranho para alguns essa colocação mas para outros não! É muito comum uns consumirem os lanches dos outros sem permissão? Sim! Não deveria ser assim? Não! Mas sempre é tempo de aprender e ter atitudes melhores . Principalmente, na geladeira coletiva da empresa.  4 - Derramou algo? no mesmo momento: limpe. Cada um deve limpar

Regras para uso de geladeira coletiva? (Material de apoio exclusivo na Loja)

Tenho geladeira coletiva na empresa, precisa ter regras? Sim! As regras, por alguns motivos, são muito  importantes - aqui destaco dois deles: 1)  a cultura da empresa deve estar em todos os lugares (Regras fazem parte da cultura empresarial) e 2) para o bom andamento de qualquer atividade coletiva deve existir regras. Preferencialmente, que as regras sejam postas antes de começar "o jogo" para que todos entendam como devem se comportar. Ter um Guia de uso na porta da geladeira coletiva da empresa ou próximo a ela será útil.  Utensílios que estão à disposição de várias pessoas devem ter regras de uso e higiene caso contrário cada um agirá da forma que faz em casa. E dessa maneira não funciona pois cada ambiente deve ter suas próprias regras e que sejam para todos, principalmente, os ambientes profissionais . Sem regras: um ambiente como a cozinha pode ser um estopim para desavenças e essas desavenças, geralmente, acabam se estendendo para atividades do cotidiano de trab

Geladeira coletiva da empresa: não deixe comida velha!

Assunto que pode parecer um pouco estranho para alguns - já para outros nem tanto! É muito comum, inclusive, as empresas abolirem a geladeira em virtude dos maus hábitos dos colaboradores. Se você é a pessoa que esquece comida dentro da geladeira e nunca mais lembra até criar mofo: anote na agenda uma vez por semana fazer uma limpa ou melhor tenha um dia especial para fazer a limpeza em seus alimentos. Quem sabe todas as sextas-feiras, assim, não fica comida ruim na geladeira no final de semana. A geladeira da empresa é um utensílio coletivo que deve ser tratado com educação e cuidado por todos. Deixar os alimentos envelhecerem dentro dela é o verdadeiro descaso com o resto dos colegas. Não espere que um colega lhe avise que tem algo ruim seu na geladeira. A responsabilidade por manter limpo o que usa é de cada um. Assuma as responsabilidades que são suas e evite estresses desnecessários com os colegas ou com os superiores. Ambiente coletivo todos devem ser colaborativos