Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2012

Apresentações em público:como atrair as atenções?

Um professor, que considero de extrema didática, repassou-nos esse vídeo. Com duração de 35 min que nem sentimos.


Viver não dói

Viver não dói! Definitivo, como tudo o que é simples. Nossa dor não advém das coisas vividas, mas das coisas que foram sonhadas e não se cumpriram. Por que sofremos tanto por amor? O certo seria a gente não sofrer, apenas agradecer por termos conhecido uma pessoa tão bacana,  que gerou em nós um sentimento intenso e que nos fez companhia por um tempo razoável, um  tempo feliz. Sofremos por quê? Porque automaticamente esquecemos  o que foi desfrutado e passamos a sofrer pelas nossas projeções irrealizadas, por todas as cidades que gostaríamos de ter conhecido ao lado do nosso amor  e não conhecemos, por todos os filhos que gostaríamos de ter tido juntos e não tivemos,  por todos os shows e livros e silêncios que gostaríamos de ter compartilhado,  e não compartilhamos. Por todos os beijos cancelados,  pela eternidade. Sofremos não porque nosso trabalho é desgastante e paga pouco, mas por todas as horas livres que deixamos de ter para ir ao cinema,  para conversar com um amigo, para nad…

20 Setembro

Homenagem a todos os Gaúchos.


20 Setembro!

Secex lança sistemas de informações sobre acordos comerciais

A Secretaria de Comércio Exterior (Secex) do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) lançou, no auditório do edifício sede, o sistema de consulta aos Acordos de Preferência Tarifária (Capta).

          O objetivo do novo sistema é dar conhecimento sobre as preferências tarifárias que o Brasil recebe ou concede nos acordos comerciais. As preferências tarifárias indicam a redução percentual no imposto de importação em relação à tarifa aplicada.

          A Secretária de Comércio Exterior do MDIC, Tatiana Lacerda Prazeres, disse que "o Capta se soma às ferramentas de informação de comércio exterior do Ministério, oferecidas com qualidade e transparência, já conhecidas e bastante utilizadas pelos operadores, como o Alice Web, o Radar Comercial e o Vitrine do Exportador".

          Para Tatiana, "o sistema dará conhecimento sobre vantagens comerciais de forma simples", considerou. Antes do Capta, a única fonte de informação disponív…

Livro: Design Thinking Brasil

Para quem já ouviu falar ou nunca ouviu falar em Design Thinking esse é um ótimo livro para entender um pouco mais da dinâmica dele dentro das equipes e sua utilidade. O Design Thinking não é uma profissão e sim uma ferramenta de gestão e nessa obra é possível compreender com muita didática sua utilidade e quem a coloca em prática.


Um detalhe que achei muito atual do livro é que nele possuem alguns QR codes com material que complementa a leitura. É um livro para líderes e equipes, que usam e gostam de ferramentas para melhorar o desempenho de todos. É um livro atual, jovem e cheio de conteúdo que estimula a cooperação e o trabalho em equipe.
Importante: Essa tarja branca que tem na primeira foto é porque o livro foi um empréstimo de uma biblioteca e ali estão os dados deles.


Livro: Design Thinking Brasil: empatia, colaboração, e experimentação para pessoas, negócios e sociedade Autor: Tennyson Pinheiro, Luis Alt em parceria com Felipe Pontes Editora: Alta Books Editora Número de pág…

Frank Sinatra

Timoneiro: nº65

Leite

Santa Catarina é líder nacional de crescimento na industrialização de leite. Custo competitivo faz Estado crescer 13% no processamento do produto nos últimos cinco anos.

           Com a atual quinta posição no ranking nacional da indústria de laticínios, participando com 8% no total do leite produzido no país, Santa Catarina foi o Estado que mais cresceu na industrialização de leite nos últimos cinco anos. O Estado consolidou-se como o sexto do país em participação na industrialização dos laticínios (8,2%).

          De 2007 a 2011, enquanto o ritmo de avanço da industrialização do leite no Brasil foi de 5,5% ano ano, Santa Catarina registrou crescimento de 13% ao ano, o mesmo período, segundo a Leite Brasil. O índice de aumento superou o desempenho dos principais estados na produção de leite, como Paraná (11,6% ao ano), Rio Grande do Sul (7,2%), São Paulo (3,8%), Minas Gerais (3,6%) e Goiás (1,4%).

          Segundo dados de 2010 do instituto Brasileiro de Geografia e Esta…

Perfume: mitos e verdades!

Café

Café alcança os 50,48 milhões de sacas e pode ter safra record em 2012

          Investimentos dos produtores nas lavouras e ano de alta produção contribuíram para o bom desempenho, de acordo com o levantamento da Conab.
          O resultado é do terceiro levantamento realizado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e divulgada na quinta-feira dia 06/09, em Brasília. O volume representa um crescimento de 16,1% se comparado com a safra anterior que foi de 43,48 milhões de sacas de 60kg. O crescimento é atribuído ao ano de alta bienalidade e o investimento realizado pelo produtor na lavoura.

          Confirmada a expectativa, esta será a maior safra produzida no país, superando até mesmo o recorde anterior de 48,48 milhões de sacas, do período 2002/2003. Em comparação com a safra de 2010, último ano de ciclo positivo, a produção é 4,96% maior.

          O café da espécie arábica, com uma produção estimada em 37,95 milhões de sacas, representa em média 75,2% da prod…

Novo Mundo das Cervejas

Segundo os estudos internacionais, todos os anos são consumidos no planeta mais de 182 milhões de litros de cerveja, o equivalente a 547 petroleiros lotados de barris de cerveja ou a 7280 piscinas olímpicas. No universo das bebidas, só a água e o chá batem a cerveja em termos de popularidade. Grande parte dessa proeza é conseguida à custa da China que já é responsável por mais de um terço do consumo mundial: só em 2010, os chineses ingeriram 44,7 bilhões de litros, quase o dobro dos Estados Unidos, o segundo maior consumidor de cerveja do mundo. Por isso não é de se estranhar que a China produza também a cerveja mais popular no planeta: com vendas anuais superiores a 6,1 bilhões de litros, a Snow Beer, produzida pela CR Snow, uma joint-venture entre a China Resources Enterprises e a SABMiller, que ultrapassa as vendas de marcas globais como a Budweiser, Corona ou Heineken. No entanto, a quase totalidade da produção da Snow Beer é consumida em território Chines.

          Mer…

Brasil entra no Top 50 de competitividade

O Brasil entrou em 2012 pela primeira vez no grupo das 50 nações mais competitivas do mundo, de acordo com o Relatório Global de competitividade, que será divulgado pelo Fórum Econômico Mundial.

          O País passou da 53º posição, em 2011, para a 48º neste ano. Em dois anos, o salto foi de dez posições.

          O estudo é feito desde a década de 1970, mas o Brasil só foi incluído em 1995.

          Ao mesclar dados econômicos e a opinião de empresários, o relatório tenta medir em quais pontos os países deixam de ser eficientes em relação aos outros.

          "Competitividade não é crescimento da economia, mas as condições mas crescer de forma igualitária", afirma Carlos Arruda, coordenador do núcleo de inovação da Fundação Dom Cabral, responsável, ao lado do Movimento Brasil Competitivo (MBC), pelo estudo no Brasil.

          Segundo Arruda, a posição ideal para o porte econômico brasileiro, considerando todos entraves regulatórios, seria entre os 30 primeir…

Vendas no varejo da zona do euro voltam a cair em julho

As vendas no varejo na zona do euro registraram queda em julho, interrompendo dois meses seguidos de ganhos à medida que os volumes caíram, de acordo com estatísticas divulgadas nesta quarta-feira.

          De acordo com o escritório de estatística da união Europeia (Eurostat), o volume do comércio varejista diminuiu 0,2% no mês, em relação a junho. Os principais responsáveis pela queda são os setores de alimentação, bebidas e combustíveis.

          O resultado veio em linha com as expectativas dos economistas consultados pela agência de notícias Reuters, mas a leitura anual foi pior do medido pelos analistas. Em comparação com julho do ano passado, houve redução de 1,7% sendo que a expectativa era de 1,5%.

           "A tendência mais fraca nos gastos dos consumidores é principalmente por causa do declínio das rendas reais disponíveis, refletindo uma renda trabalhista menor, medidas de austeridade fiscal e inflação mais alta", afirmou o economista do JP Morgan …

Algodão pelo Mundo

O algodão está entre as mais importantes culturas de fibras no mundo. Todos os anos, uma média de 35 milhões de hectares de algodão é plantado por todo o planeta. A demanda mundial tem aumentado gradativamente desde a década de 1950, a um crescimento anual médio de 2%.

          O comércio mundial de algodão movimenta anualmente cerca de US$ 12 bilhões e envolve mais de 350 milhões de pessoas em sua produção, desde as fazendas até a logística, o descaroçamento, o processamento e embalagem.

          Atualmente, o algodão é produzido por mais de 60 países, nos cinco continentes - China, Índia, Estados Unidos, Paquistão e Brasil - despontam como os principais produtores da fibra.

Fonte: Abrapa

Balança Comercial: Agosto

Em entrevista coletiva hoje para comentar os dados da balança comercial brasileira do mês de agosto, o secretário executivo do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), Alessandro Teixeira, disse que o "cenário externo está adverso" ao aumento das exportações por conta da crise econômica internacional. Ele, contudo, considerou que o comércio exterior brasileiro enfrenta melhor essa fase da crise.

          "De 2008 para 2009, as exportações brasileiras caíram 23%, durante a primeira parte da atual crise. Agora, estamos com um nível de exportações bem melhor que estávamos na época, do ponto de vista de resultados", avaliou Teixeira. O secretário ainda declarou que o governo irá se esforçar para manter, em 2012, o mesmo patamar das exportações verificado em 2011, de US$ 257 bilhões, e que poderá rever a meta atual para o ano de US$ 264 bilhões, dado que essa poderá não ser cumprida.

          A secretária do Comércio Exterior do M…

Timoneiro: nº64

Panorama do Comércio Internacional de Serviços 2012

O comércio exterior de serviços no Brasil tem apresentado historicamente déficits crescentes na conta de serviços do balanço de pagamentos. Entre 2007 e 2011, o deficit brasileiro na conta de serviços cresceu 202% e, diferentemente do comércio exterior de bens e mercadorias, caracteriza-se de informações detalhadas, o que compromete a visibilidade econômica do setor, a consecução de políticas públicas efetivas (nos campos comercial, tributário, cambial, de garantia e financiamentos), as negociações internacionais em serviços e a disponibilidade de inteligência mercadológica para empreendedores. Essa carência de informações acuradas dificulta, ainda, a aferição dos resultados das políticas públicas voltadas para o setor terciário.

          Consciente dessa realidade, a Secretaria de Comércio e Serviços (SCS), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), tem trabalhado ativamente para ampliar as fontes de informações sobre o comércio exterior de ser…

Balança Comercial de Agosto

O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC) divulga nesta segunda-feira  (03/09) os dados da balança comercial do mês de agosto e os números da última semana do mês. As informações preliminares estarão disponíveis no site do Ministério às 15hs. Às 15:30, haverá entrevista coletiva no auditório do MDIC para comentar os resultados.

Fonte: MDIC

Livro:O Exportador 6º edição

"Este livro não fala de estratégia e da burocracia administrativa, mas explica ao empresário o que ele tem que fazer para se preparar para exportar".


Boa Leitura!