Pular para o conteúdo principal

Quero receber Newsletter de Danielle SV

* indica obrigatório

Mailchimp intuitivo

Aliança dos blogs 1/12 - Leitor: Da minha terra à Terra

 


Sim, esse é um blog cujo tema principal é Planejamento e Gestão! Sim, você encontra por aqui diversas indicações de livros, cinema, podcast, música, teatro porque se atualizar constantemente faz parte do cotidiano de quem trabalha com liderança. Mesmo para quem não trabalha com planejamento e gestão  é muito relevante para vida profissional se atualizar por intermédio da cultura. Por isso, participo de duas blogagens coletivas mensais e uma delas é esta. Fazemos essa blogagem coletiva desde 2021, isso quer dizer estamos indo para nosso quarto ano juntos o que é uma alegria grande nessa relação cultural. Aos amigos blogueiros saibam que é sempre bom estarmos juntos maeliteratura.comLeitor dos Sonhos , tomdutra.com e a você leitor: obrigada por estar aqui conosco!

Para nossa blogagem do mês de Janeiro o tema é: Leitor! Sim! Janeiro é o mês do leitor. Trouxe um livro incrível e com uma história inspiradora para esse mês cujo título é - Da minha terra à terra: pela primeira vez, o maior fotojornalista do mundo conta sua história.

Sobre o autor: Sebastião Salgado nasceu em 1944, em Aimorés, Minas Gerais. É formado em economia e começou sua carreira como fotógrafo na França, onde mora desde 1969. Trabalhou para as agências Sygma e Gamma, e desde 1979 faz parte da Magnum. Já recebeu os prêmios mais importantes concedidos ao fotojornalismo, entre eles o de Melhor Repórter Fotográfico do Ano, oferecido pelo International Center of Photography de Nova York, e o Grand Prix da Cidade de Paris. Dele, a Companhia das Letras publicou Terra (1997),  Trabalhadores (1997), Outras Américas (1999), Êxodos (2000), entre outros. 

Isabelle Francq é jornalista e já trabalhou em importantes veículos de imprensa, como o jornal Le Monde e a revista Le Nouvel Observateur. 


Junto com sua esposa Lélia o autor fundou o Instituto Terra recomendo que você entre na página e conheça! É um trabalho incrível dedicado a devolver à natureza o que décadas de degradação ambiental destruiu. 

Orelha do livro: As fotos de Sebastião Salgado são famosas no mundo todo. Suas imagens em preto e branco de trabalhadores e refugiados já ganharam inúmeros prêmios e são reconhecidas pela profunda dignidade que despertam no interlocutor. 

Em 2013, depois de oito anos de reportagens, Salgado expôs pela primeira vez seu trabalho mais recente, "Gênesis". Em uma jornada fotográfica por lugares intocados, onde o homem convive em harmonia com a natureza, o fotógrafo retratou com brilhantismo único as múltiplas facetas da vida em nosso planeta.

Mas a despeito de as imagens de Sebastião Salgado já terem dado a volta ao mundo, sua história pessoal, as raízes políticas, éticas e existenciais de seu engajamento fotográfico permaneciam desconhecidas. Em Da minha terra à Terra, é seu talento como narrador que impressiona.

Com gentileza e simplicidade comoventes, Salgado relembra histórias de suas fotorreportagens, realizadas em mais de cem países. Nós o acompanhamos desde sua formação como economista até a mudança para a França, onde o fotógrafo mora desde 1969 e onde fundou com a mulher, Lélia, a agência Amazonas Images. Em Da minha terra à Terra, Salgado fala de suas viagens, de sua família, de seu amor pela fotografia. Uma emocionante lição de humanismo. A verdadeira gênese de sua vida e obra.



Contracapa: Pela primeira vez, Sebastião Salgado, um dos mais importantes fotógrafos do mundo, deixa de lado as imagens para investigar, com palavras, as raízes de sua história.

Sebastião Salgado é conhecido no mundo todo por suas fotos em preto e branco. Depois de retratar trabalhadores e refugiados com profunda dignidade, o fotógrafo voltou ao centro da cena fotográfica em 2013, com o projeto "Gênesis".

Mas apesar de as imagens de Sebastião Salgado já terem dado a volta ao mundo, sua história pessoal, as origens políticas, éticas e existenciais de seu engajamento fotográfico permaneciam ignoradas. 

Em Da minha terra à Terra, é seu talento como narrador que surpreende. A autenticidade de um homem que sabe como poucos combinar militância, profissionalismo, talento e generosidade.



O livro está dividido em: 

Apresentação, Isabelle Francq

1. Para começar: "Gênesis"
2. Minha terra natal
3. Na França e em nenhum outro lugar
4. O clique fotográfico
5. A África, meu outro Brasil
6. Jovem militante, jovem fotógrafo
7. A fotografia, meu modo de vida
8. "Outras Américas"
9. Imagens de um mundo em perigo
10. Da Magnum à Amazonas Images
11. "Trabalhadores"
12. O mundo das minas
13. "Êxodos"
14. A longa marcha moçambicana
15. Ruanda
16. A morte vista de perto
17. O Instituto Terra: uma utopia concretizada
18. De volta ao começo
19. E o homem em tudo isso?
20. O respeito às origens
21. Minha revolução digital
22. Seguindo os passos da rainha de Sabá
23. Um mundo em preto e branco
24. Com os nenetses 
25. Minha tribo

Conclusão
Distinções honoríficas de Sebastião Salgado

Livro: Da minha terra à Terra
Autor: Sebastião Salgado 
Editora: Paralela 
Número de páginas: 152 páginas
ISBN: 978-85-65530-56-9
Ano de edição: 2014



Acima os temas da Aliança dos Blogs que você verá em nossa Aliança dos Blogs uma vez ao mês! 





Posts Relacionados:









Diante de tantas distrações é preciso organização para manter o ritmo de leitura. Eu mantenho minhas leituras em dia por intermédio da organização e por isso já indiquei mais de uma centena de livros no blog. Para isso, desenvolvi esse material de apoio pois dessa forma você conseguirá exercitar a disciplina da leitura. 


                                                Material de apoio: Quero ler mais este ano!




Sabia que aqui no blog tem mais de 100 títulos que já li e gostei?


Quais assuntos e ou livros você gostaria de ver por aqui? Escreve aqui embaixo ou me manda nas redes sociais:



Abaixo banner da evino que é um anunciante aqui do blog. A evino é uma loja de vinhos online que oferece grandes descontos em produtos altamente compativeis. Venha experimentar um novo conceito de saborear o sabor da vida. Clica no banner e vai espiar!

Comentários

  1. Ótima dica, Dani!! \o/ Vamos que vamos para mais um ano de blogagens coletivas! Parabéns pelo texto!!

    ResponderExcluir
  2. Que livro diferente, Dani! Adorei! É muito legal trazer esse tipo de conteúdo porque muita gente ainda precisa entender a importância da natureza no nosso mundo.

    ResponderExcluir
  3. Querida Dani, eu amo as nossas postagens!
    E adorei a sua dica
    Ótimo post
    Beijos e até o mês que vem
    Claudia

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada pelo seu comentário!
Felicidades!

Postagens mais visitadas deste blog

Regras para geladeira coletiva (Material de apoio exclusivo na Loja)

  1 - Lembre que ela é coletiva e não apenas sua:  Os bons hábitos de higiene e limpeza devem prevalecer em uma geladeira coletiva . Mas se você não tem bons hábitos de higiene e limpeza não se preocupe: sempre é tempo de aprender. Os relacionamentos melhoram quando todos respeitam o ambiente coletivo. 2- Armazene os seus alimentos em um espaço específico dentro da geladeira. Um alimento em cada canto, não: ok? Uma maçã em uma prateleira, um pote em outra e a garrafinha em outra: não é prático. Se todos os alimentos estiverem concentrados apenas em um canto da geladeira será mais fácil administrar a validade deles. 3 - Consuma apenas o que é seu!  Pode parecer estranho para alguns essa colocação mas para outros não! É muito comum uns consumirem os lanches dos outros sem permissão? Sim! Não deveria ser assim? Não! Mas sempre é tempo de aprender e ter atitudes melhores . Principalmente, na geladeira coletiva da empresa.  4 - Derramou algo? no mesmo momento: limpe. Cada um deve limpar

Regras para uso de geladeira coletiva? (Material de apoio exclusivo na Loja)

Tenho geladeira coletiva na empresa, precisa ter regras? Sim! As regras, por alguns motivos, são muito  importantes - aqui destaco dois deles: 1)  a cultura da empresa deve estar em todos os lugares (Regras fazem parte da cultura empresarial) e 2) para o bom andamento de qualquer atividade coletiva deve existir regras. Preferencialmente, que as regras sejam postas antes de começar "o jogo" para que todos entendam como devem se comportar. Ter um Guia de uso na porta da geladeira coletiva da empresa ou próximo a ela será útil.  Utensílios que estão à disposição de várias pessoas devem ter regras de uso e higiene caso contrário cada um agirá da forma que faz em casa. E dessa maneira não funciona pois cada ambiente deve ter suas próprias regras e que sejam para todos, principalmente, os ambientes profissionais . Sem regras: um ambiente como a cozinha pode ser um estopim para desavenças e essas desavenças, geralmente, acabam se estendendo para atividades do cotidiano de trab

Geladeira coletiva da empresa: não deixe comida velha!

Assunto que pode parecer um pouco estranho para alguns - já para outros nem tanto! É muito comum, inclusive, as empresas abolirem a geladeira em virtude dos maus hábitos dos colaboradores. Se você é a pessoa que esquece comida dentro da geladeira e nunca mais lembra até criar mofo: anote na agenda uma vez por semana fazer uma limpa ou melhor tenha um dia especial para fazer a limpeza em seus alimentos. Quem sabe todas as sextas-feiras, assim, não fica comida ruim na geladeira no final de semana. A geladeira da empresa é um utensílio coletivo que deve ser tratado com educação e cuidado por todos. Deixar os alimentos envelhecerem dentro dela é o verdadeiro descaso com o resto dos colegas. Não espere que um colega lhe avise que tem algo ruim seu na geladeira. A responsabilidade por manter limpo o que usa é de cada um. Assuma as responsabilidades que são suas e evite estresses desnecessários com os colegas ou com os superiores. Ambiente coletivo todos devem ser colaborativos