Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2013

Preencha os dias com pensamentos saudáveis

Preencher os dias com pensamentos saudáveis é fundamental para ter ações saudáveis, inclusive, em prol de si. Ficar ruminando acontecimentos passados ou aqueles que não se pode fazer nada a respeito: não vai levar o profissional a lugar algum.
Aqui 5 pensamentos saudáveis para preencher os dias:
1) Pense e reflita sobre aquilo que se pode mudar ou fazer algo. Isso quer dizer pense naquilo que você tem gerência
2) Se preocupe menos com o julgamento alheio e se detenha em ter ações corretas e de acordo com seus valores morais.
3) Pense mais em soluções e menos nos problemas. O problema existe! Portanto, se ocupe em pensar alternativas para solucionar ele. Se não vai solucionar quem sabe amenizar os danos.
4)  Pense em reclamar menos e trabalhar mais. Reclamação não soluciona problemas! Ações planejadas podem ser mais eficientes.
5) Se aproxime de pessoas que podem agregar e não aquelas que só deixam a outra pessoa ainda mais para baixo.
Posts Relacionados:
Aprendizados que a quarentena me tr…

Livro: Atitude!

Esse é um livro bem antiguinho mas muito interessante! Conta a história de sucesso de Justin Herald em sua empreitada empreendedora em uma época que as redes sociais recém estavam sendo descobertas, em que as frases de efeito só existiam nos jornais e revistas. Ele mostra como a atitude da pessoa faz toda a diferença na hora de concretizar objetivos.

Tem uma frase do livro que ele diz: "Trabalhe duro ou, então, vá para casa." É um livro com frases estimulantes? Sim! Mas também é um livro que fala sobre a necessidade de se estruturar para ter sucesso, sobre a importância do lazer, sobre zona de conforto, aprendizado e por aí vai. Recomendo a leitura!
Livro: Atitude  Autor: Justin Herald Editora: Fundamento Educacional Número de páginas: 120 ISBN: 85-88350-48-3 Ano da Edição: 2004
Posts Relacionados:
Livro: Personal branding

Livro: Cem: o que aprendemos na vida

Livro: O gênio da Zara: a história de Amancio Ortega, o ícone da fast fashion

Livro: Estúpida, Eu?

Livro: As três mentes do Neuro…

Diga Sim: Eu posso aprender com os problemas!

Sim! Podemos aprender com os problemas! Muitas vezes os problemas trazem aflição, insegurança, medo, sensação de impotência e muitos outros sentimentos. Parece que tudo está perdido mas eles podem deixar ensinamentos para vida.
A situação está difícil? O que poderia ser diferente? Quais aspectos dessa situação que poderiam ser evitados ou amenizados com algumas mudanças de atitude pessoais? Exemplo: será que ter algumas economias ajudaria a amenizar a aflição? Ter o nome limpo (livre de dívidas) seria útil para diminuir ansiedades e ter subsídios? Ter os papeis, documentos etc todos em dia poderia ajudar a diminuir o retrabalho ou a insegurança? Mudar de trabalho ajudaria?
Anote todos os aspectos que são possíveis de mudança e com organização e perseverança podem ser mudados. E mude mesmo! Se cada problema superado forem feitas mudanças efetivas eles serão mais amenos das próximas vezes ou até não serão os mesmos.
Posts Relacionados:
Para os dias difíceis: crie objetivos

Aprendizados que a…

Saber Dizer Não

Na vida profissional não só é importante saber dizer: Não! Como necessário. Dizer não é uma forma de impor limites para o interlocutor. Limites para que ele não avance o sinal pois o  bem estar e interesse do outro também contam. Muitos pensam que saber dizer não é apenas não se meter em encrenca o que não é verdade: não é apenas para isso mas também para isso. Hoje vamos refletir em cima de dois exemplos: um que envolve mentiras e outro que envolve vida privada.
Vamos a exemplos práticos! Um colega de trabalho confidencia para outro que vai mentir para o chefe se dizendo doente para emendar um feriadão. Data essa que todos irão trabalhar! Nesse mesmo instante o colega deve dizer ao outro "doente": "Fulano você não pode contar comigo para acobertar ou ser conivente com esse tipo de mentiras!". Eu discordo desse tipo de atitude, inclusive, virei trabalhar, inclusive, acho que mentiras não levam a lugar algum só desmerecem o profissional que sou.
Outro exemplo: O chefe…